Necessidade de certeza humana e controle: o que fazer?

Equipe Nortus
17/05/2024

Como e quando surgiu a busca pela certeza e pelo controle dos indivíduos? É essencial entender que essa busca, enraizada na evolução social e pessoal, pode tanto impulsionar quanto prejudicar nossos resultados. E ao compreender que nossas ações moldam nosso destino, surge a chave para alcançar resultados diferentes: questionar e adaptar nossos pensamentos e comportamentos.

Se você ficou curioso e quer saber mais, acompanhe esse artigo.

Necessidade de certeza e controle

A necessidade de certeza é uma das necessidades mais antigas da espécie humana. Ela surgiu quando a humanidade compreendeu que o bem-estar físico (alimentação, sono, segurança física) precisava ser contínuo e certo. 

Com o tempo, percebeu-se que, além do bem-estar físico, era necessário atender ao bem-estar psicológico e intelectual, por meio dos relacionamentos, dos conhecimentos, das especializações, das tecnologias – enfim, do desenvolvimento contínuo.

Como surgiu a necessidade de certeza

A necessidade de certeza nasceu para tentar suprimir a dor, as faltas, os medos e os sofrimentos, em meio às buscas por um futuro melhor. Ela é fruto da evolução social da humanidade, fruto das experiências de dor (física e/ou de relacionamentos) vividas pela pessoa que a fazem desejar controlar as circunstâncias da vida para não sofrer novamente.

Quando em excesso, essa necessidade aparece como um impulso de querer controlar tudo, gerando um processo obsessivo por controlar os processos rumo aos resultados desejados. E o caminho que acontece geralmente leva aos pontos:

  • Não há como garantir e/ou determinar um resultado;
  • Então, o processo de dor vem à tona;
  • Que é alimentado continuamente pela ilusão de poder controlar algo, pois a única coisa que podemos fazer é agir para aumentar as chances de que algo aconteça. 

Quanto mais preparado estamos, mais podemos influenciar os resultados em nossas vidas.

Do que podemos ter certeza? Que tudo o que fazemos – ou não fazemos – influencia os nossos resultados. Então, se quisermos resultados diferentes, podemos começar nos perguntando: o que posso incluir no meu pensar e no meu fazer para aumentar as chances de resultados acontecerem?

Como você tem lidado com esse processo? 


Receba nossos conteúdos e fique por dentro de todas as novidades da Nortus